Tag: Christophe André

0

Matthieu Ricard, Christophe André e Alexandre Jollien.

Com incríveis 300 mil exemplares impressos somente na França, no topo das listas, TROIS AMIS EN QUÊTE DE SAGESSE (“Três amigos em busca da sabedoria”, mas o título brasileiro pela Alaúde pode ser outro) é um fenômeno de vendas e de crítica. Mais fenômeno ainda porque, sendo de alguma maneira auto-ajuda, menos se espera da mídia séria francesa uma recepção calorosa. O diferencial são os três autores – o filósofo Alexandre Jollien, o psiquiatra Christophe André e o monge budista e fotógrafo Matthieu Ricard –, queridos e muito respeitados pelos franceses. Realmente, essa fixação do mercado editorial de categorizar e rotular tudo às vezes é contraprodutiva para a compreensão da natureza da obra pelo leitor.

O Figaro faz uma comparação engraçada do livro com o cinema. Diz que juntar esses três autores em um volume só é como reunir no elenco de um filme as estrelas Depardieu, Belmondo e Delon. Le Point diz que TROIS AMIS EN QUÊTE DE SAGESSE traz as respostas que todo mundo quer: como superar os obstáculos da vida, recuperar a auto-estima, acabar com o sentimento de culpa e conquistar mais liberdade. Le Parisien pondera que a obra desses autores ajuda a respirar melhor – literalmente e figurativamente –, a combater a insônia leve e a lidar com as relações pessoais e profissionais.

Além da edição brasileira da Alaúde, sob a batuta de Ibraima Dafonte Tavares, o livro sairá em coreano, vietnamita e espanhol, neste idioma pela super editora Urano, que tem muito faro para o que é bom e popular. Tomara que saia logo.