Rafael Cardoso

Rafael Cardoso

RAFAEL CARDOSO

Rafael Cardoso é escritor e historiador da arte, baseado no Rio de Janeiro. PhD em História da Arte pela Universidade de Londres, atua também como curador independente.

Contribui amplamente para catálogos e periódicos no Brasil e no exterior e é autor, co-autor ou editor de dez livros: três títulos de ficção e sete de não ficção. Criado nos Estados Unidos, Rafael é bilíngue em inglês-português. Atualmente mora em Berlim.

O REMANESCENTE

História e ficção se misturam na trajetória de Hugo Simon, banqueiro judeu, influente colecionador de arte, político socialista e uma figura de destaque na República de Weimar, declarado inimigo do Estado alemão em 1933, depois da ascensão de Hitler ao poder. Fugindo inicialmente para Paris, Simon viu-se obrigado a procurar refúgio na América do Sul, depois da queda da França para os nazistas em 1941. A história não contada de seu exílio no Brasil, onde sua estrada se cruza com a de outros exilados notáveis como Stefan Zweig e Georges Bernanos, oferece uma perspectiva única sobre os acontecimentos da Segunda Guerra Mundial. As experiências de Simon e sua família são o cerne da narrativa, que tem como pano de fundo o Brasil em rápida mutação.

Do regime autoritário de Vargas nos anos 1940 à ditadura militar da década de 1960, o espectro do fascismo assombra na distância enquanto Simon, sua mulher Gertrude, suas duas filhas, seu genro artista e aventureiro, e seu neto – todos eles enfrentam o desafio de construir uma nova vida a partir das ruínas daquela deixada para trás. Escrito pelo bisneto de Simon, este romance será uma verdadeira saga familiar de quatro gerações, iluminando um dos grandes temas do século XX: a luta do indivíduo para manter sua identidade diante das adversidades da História.

Selecionado para ser apresentado a produtores no programa Books at Berlinale/2017.

Status/Publicação: pela Companhia das Letras (Brasil e pela Fischer (Alemanha) em outubro de 2016. Pela Nieuw Amsterdam (Holanda) em abril de 2017. [500 páginas]

ENTRE AS MULHERES

Dezesseis histórias – cada uma jogando o foco sobre um personagem feminino e um bairro do Rio de Janeiro – compõem a tapeçaria da vida de uma grande cidade, observada dos múltiplos pontos de vista de suas habitantes. Os personagens vão de Maria, 93, forçada a lidar com mais um assalto à mão armada em sua casa, a Jade, seis anos de idade, deixada um dia aos cuidados do último namorado da mãe. Os bairros cobrem a gama dos extremos sociais do Rio, dos prédios de luxo de Ipanema e da Barra da Tijuca às favelas da periferia. Cada história captura um momento de virada na vida dessas mulheres: Renata, 34, recepcionista em um consultório de dentista que decide se vingar das infidelidades do marido; Helena, 16, que tem de escolher entre a excitação de um romance à Romeu e Julieta com um traficante e a existência de alta classe média de sua família;

Jamilly, 25, lutando para se livrar da condição de prostituta; Rosana, 50, que tem o desafio de se livrar de um cadáver na véspera do casamento da filha; ou Mariellen, 24, filosofando sobre as dificuldades de ser jovem, gay e pobre. Seguindo esses fios, um personagem masculino misterioso, o DJ-cum-Casanova Rafael, é o toque final do quadro, entrando e saindo da vida dessas mulheres, em geral provocando o caos em seu caminho.

Status/Publicação: pela Record em 2007, pela Fischer (Alemanha) em 2013, e pela Siruela (Espanha), também em 2013.