novembro 2017

IMG_2101

No especial da Veja sobre os 100 anos da Revolução Soviética, a matéria “O que faltava na estante”, com a lista de lançamentos sobre o tema, infelizmente ignorou o excelente DO CZARISMO AO COMUNISMO, de Marcel Novaes, publicado pela Três Estrelas, que já recebeu várias críticas consagradoras. De títulos representados pela VBM para o mercado brasileiro, compareceram na revista A VERDADE SOBRE A TRAGÉDIA DOS ROMANOV, de Marc Ferro, e HISTÓRIA DA GUERRA CIVIL RUSSA, de Jean-Jacques Marie.

Já na vitrine da Livraria da Travessa, em Ipanema, toda dedicada a esse tema, o livro de Marcel figura bonito, assim como o estudo de Marie sobre a guerra civil, que entre 1917 e 1922 matou cerca de 4,5 milhões de pessoas entre combatentes e civis.

IMG_2098

IMG_2097

Cândido 76

A edição de novembro do jornal Cândido, editado pela Biblioteca Pública do Paraná, traz grande matéria assinada por Álvaro Costa e Silva, o Marechal, sobre as mudanças que o mercado editorial brasileiro atravessou nos últimos 40 anos. Ficou muito boa. Principais fontes são José Mario Pereira, Paulo Roberto Pires e Luciana Villas-Boas.

O número de novembro traz ainda excelente entrevista com o fundador da Companhia da Letras, Luiz Schwarcz. O bate-papo entre Schwarcz e o escritor Bernardo Carvalho abre a série “Os Editores”, que publicará 12 entrevistas com importantes profissionais do livro no Brasil.

http://www.candido.bpp.pr.gov.br/modules/noticias/article.php?storyid=197&tit=Capa

Les-Cahiers-d-Esther

Está saindo na França o terceiro volume da série gráfica LES CAHIERS D’ESTHER (Os cadernos de Esther), de Riad Sattouf. No Brasil, a Intrínseca está publicando a série O ÁRABE DO FUTURO, muito autobiográfica, sobre um jovem dividido entre os mundos francês e árabe, mas ESTHER, a visão de uma garotinha em crescimento sobre os temas diversos, de amor e família até cultura pop e política internacional , continua inédita.

Sattouf é um dos mais festejados cartunistas franceses. Interessante como o cartum consagrou-se na França, terra de grandes criadores no gênero. Seu ÁRABE está traduzido para 20 idiomas e em três volumes vendeu 1 milhão de exemplares só no país de Macron. A VBM representa a obra de Riad Sattouf para o Brasil em nome da 2-Seas Agency e da editora Allary.

Veja a apresentação do livro clicando aqui.