agosto 2017

CHROMIE-ascencion-du-mont-blanc-6-juin_Page_2-tt-width-326-height-468-lazyload-0-crop-1-bgcolor-ffffff

A bem sucedida start up editorial francesa Allary, que publica Riad Sattouf, entre muitos autores atualmente super populares, e que representamos em nome da 2-Seas, está alardeando L’ASCENSION DU MONT BLANC (A SUBIDA DO MONTE BRANCO), de Ludovic Escande, que chega às livrarias da França amanhã.

O autor é um editor que nunca praticara o alpinismo e sofria de vertigem, mas foi levado a subir o Mont Blanc, na fronteira da França com a Suíça, com dois amigos amantes do esporte, Silvayn Tesson e, bastante conhecido dos brasileiros, Jean-Christophe Rufin, que já foi publicado pela Record e pela Objetiva, autor de VERMELHO BRASIL. O resultado é esse livro delicioso para esportistas, “hikers” ou profissionais da preguiça física. Muito bom de ler.

O escritor de não-ficção Roberto Sander, autor de O BRASIL NA MIRA DE HITLER (Objetiva), entre muitos títulos de sucesso, fechou com o selo Vestígio, da Editora Autêntica, sob a batuta de Arnaud Vin, a publicação de 1968: QUANDO A TERRA TREMEU, a sair em 2018, celebrando o imenso cinquentenário daqueles acontecimentos terríveis, daquele ano vivido no espanto. Sander percorre 1968, dia a dia, mês a mês, indo muito além da crise política e social, dos protestos juvenis e da repressão bárbara em todos os hemisférios e continentes.

Na obra, o autor fala da visita de Mick Jagger ao Brasil, do inédito transplante de coração realizado pelo dr Christian Barnard, das viagens espaciais em preparo à chegada à Lua. Fala de Rio de Janeiro, Paris, Cidade do México e Praga, mas vai também a Cuba, União Soviética, África do Sul e China, passeia pelo mundo todo.

VBM terá muito orgulho de sua pequena participação nesse lançamento, que marcará o próximo ano editorial, com certeza encantando uma juventude ansiosa por conhecer e dominar melhor aquela época, aqueles feitos de seus pais e avós, todas aquelas referências. Abordando 1968 com ângulo tão abrangente, o livro permite uma imersão naquele momento histórico como nenhum outro.

No site da ABI saiu uma primeira entrevista de Sander sobre 1968: QUANDO A TERRA TREMEU. Ótima leitura. Clique aqui para acessar a matéria.

Vale assistir à entrevista de FML Pepper, autora de 13 (Galera Record) e da trilogia NÃO PARE! (Valentina), à jornalista Daniela Lobo, do programa Educa Ação, da TV-Alerj.

A autora de TREZE  e da trilogia NÃO PARE! comparece em grande matéria de hoje do Globo-Niteroi. São os autores niteroienses na Bienal. No caso de Pepper, não só ela é de lá, mas também o TREZE, que se passa na cidade.

A matéria traz a intensa agenda da escritora na Bienal do Rio. No feriado de 7 de setembro, ela estará no estande da Valentina assinando a série NÃO PARE!, acompanhada das Mortes, personagens da trilogia. No dia 9, sua atividade será na Record, que está lançando TREZE, e Pepper vai acompanhada da cartomante que é personagem do romance e lerá o futuro dos fãs da autora no estande da feira. Mas tem muito mais que isso: participação em debates sobre autores independentes, novos escritores bem sucedidos e “Geek e Quadrinhos”.

O-Globo-Niteroi-2-2017-768x546 O-globo-Niteroi-3-2017-768x667 O-Globo-Niteroi-2017-768x822

eurucide_capa2

Leitores de língua inglesa, como nós, estão encantados por Eurídice Gusmão. Ao receber a resenha de THE INVISIBLE LIFE OF EURIDICE GUSMAO publicada no site The Book Bag, nos emocionamos lembrando de toda a trajetória internacional de Martha Batalha, querida autora da agência. O sucesso de A VIDA INVISIVEL DE EURÍDICE GUSMÃO, lançado no Brasil pela Companhia das Letras, é mais do que merecido. Vida longa a Eurídice!

“Batalha writes in a unique, darkly humorous style that despite its often-satirical tone, remains a realistic, vivid picture of life in a particular city at a particular time.”

 

“I was convinced that Euridice Gusmao could be any woman in her time and place, of her class but simultaneously that she was her own person, with a fierce sense of individuality of spirit that even her overbearing husband ultimately failed to quash.”

 

A GUERRA NO CORAÇÃO DO CERRADO, de Maria José da Silveira, mereceu perspicaz resenha de Taluana Wenceslau no site LeiaMulheres. Taluana é pesquisadora voltada para a participação de mulheres e a representação de gênero na mídia latino-americana.

Lançado pela Record em 2006, o livro de Maria José romanceia a trajetória trágica de Damiana da Cunha, real personagem histórica, índia Paraná que exerceu imensa liderança em Goiás, no século XVIII. O crescimento recente do feminismo e da luta antirracista está felizmente jogando nova luz sobre a obra de Maria José. Seu romance de estreia, A MÃE DA MÃE DE SUA MÃE E SUAS FILHAS, está para sair nos Estados Unidos pela Open Letter e, podemos garantir, tem muita gente no mercado internacional lendo essa narrativa no pdf da tradução inglesa, gentilmente cedido pela editora.

Para ler a resenha na íntegra, clique aqui.

No programa Perfil de hoje à noite, da TV-Alerj, Rogéria Gomes, que desvenda completamente a personalidade e a trajetória de seus entrevistados, conversa com Matheus Leitão, autor de EM NOME DOS PAIS. Todos os detalhes da história do livro, que é também a do Matheus. Saber aos 12 anos que seus pais, Míriam Leitão e Marcelo Netto, haviam sido terrivelmente torturados nas prisões da ditadura militar marcou-o tanto que ficou impossível não compor a narrativa. O Globo noticiou a emissão do programa.

Diga-se que EM NOME DOS PAIS, lançado em maio, já é um sucesso. Recebemos hoje da Intrínseca a melhor das notícias: o aviso de reimpressão. Parabéns, Matheus; parabéns Intrínseca!

IMG_6558

Com um tanto de atraso, em função da agitação da semana passada, repercutimos e festejamos a notícia da coluna do Ancelmo Góis, no Globo, sobre a publicação de LAVA-JATO, de Vladimir Netto, pela portuguesa Saída de Emergência, em abril de 2018. O autor irá a Lisboa e Porto para autógrafos e palestras sobre a luta titânica dos brasileiros contra a cleptocracia e a corrupção.

Taí uma negociação que causou grande alegria à equipe da VBM. Em grande parte consequência da expedição de Anna Luiza a Lisboa, em junho, para visitas a editoras lusas, a venda dos direitos de publicação de LAVA-JATO em Portugal é gratificante pela importância da divulgação internacional do livro de Vladimir e porque se trata de mais um autor da agência com a super parceira Saída de Emergência, que também publica lindamente nossa querida Luize Valente.

(Sobre Luize em Portugal, vem novidade por aí. Aguardem um tico.)

9780262036948

PublishersMarketplace noticia a venda de BEYOND THE SELF: DIALOGUES BETWEEN A NEUROSCIENTIST AND A BUDDHIST MONK, de Matthieu Ricard e Wolf Singer, à editora Renata Nakano, da Alaúde, que sabe tudo sobre filosofia voltada para o bem-estar do indivíduo. Não é justo chamar de “auto-ajuda” _ termo que acabou ganhando conotação pejorativa _ um trabalho sério como o do monge budista Matthieu Ricard, por exemplo.

O caso desse livro ilustra como muitas vezes são enganosas as categorias do mercado editorial. PARA ALÉM DO EGO: DIÁLOGOS ENTRE UM NEUROCIENTISTA E UM MONGE BUDISTA, que representamos no Brasil para a 2-Seas e a editora Allary, está saindo na França com imensa tiragem, voltado para o grande público de auto-ajuda. Nos Estados Unidos, a editora é nada menos do que a acadêmica MIT Press. O livro é acadêmico ou auto-ajuda? Os dois, claramente, mas fica a ver, se virar um best seller, em qual categoria entrará nas listas.

Portuguese Brazilian rights to Matthieu Ricard and Wolf Singer’s BEYOND THE SELF: Dialogues Between a Neuroscientist and a Buddhist Monk, to Renata Nakano at Alaude, by Villas-Boas & Moss Literary Agency, in association with Marleen Seegers at 2 Seas Agency, on behalf of Allary Editions. 

Alberto Mussa conversará com outros três escritores (Heloísa Seixas, Joca Terron e Santiago Nazarian) sobre seu último romance, A HIPÓTESE HUMANA, em sessão intitulada “Grandes Lançamentos”, no Café Literário da Bienal do Livro, que começa dia 31 no RioCentro. Também no Café Literário, na sessão “A Era do Imprevisto”, Miriam Leitão e Sergio Abranches discutirão política, filosofia e a árdua busca de instrumentos e referências para a compreensão do mundo contemporâneo. Edney Silvestre estará com Ruy Castro em um bate-papo sobre 90 anos de Tom Jobim. Raphael Montes estará no grupo “Cronistas”. Na programação do Encontro com Autores, diretamente do Porto, a amada portuguesinha Sofia Silva, cujo romance SORRISOS QUEBRADOS está saindo em grande estilo pela Valentina, terá enfim a oportunidade de travar pessoalmente com suas incontáveis fãs brasileiras.

Muitos clientes da VBM na Bienal do Rio oferecendo a seus leitores a oportunidade de uma conversa presencial. Todos brilhantes, com muitas ideias originais e experiências pessoais a compartilhar; eventos imperdíveis. Vale conferir a programação.

Para conferir a programação da Bienal e outras informações, clique aqui.